domingo, 26 de novembro de 2017

A Castanha

Pela nutricionista: Sandra Silva

Olá!

Hoje vamos conversar sobre a obtenção de proteína e cálcio.

Muitas pessoas interrogam-se com o seguinte: Onde é que um vegetariano obtém proteína e cálcio?

A obtenção destes nutrientes provém única e exclusivamente de alimentos vegetais, como as leguminosas e os frutos secos.

Estes alimentos são ricos em proteína, cálcio, ferro, zinco, entre outros micronutrientes.
Quando conjugados com hidratos de carbono (ex: arroz), têm a capacidade de conjugar todos os aminoácidos essenciais, e fornecer toda a proteína necessária.

Como estamos no inverno e é tempo de comer um fruto sazonal: vamos explorá-lo.

E o alimento de hoje é...

Castanha

Qualidades alimentares e virtudes terapêuticas:

  • Muito nutritivo, teve um papel importante na alimentação ao longo da História (em países como Itália, França e a região do Norte de África). É também conhecida como o pão dos pobres e possui propriedades tónicas e antianémicas;
  • Era um alimento base em caso de más colheitas (cereais);
  • 40% da castanha é constituída por amido;
  • A sua farinha possui 6 a 8 % de proteína, 3 % de lípidos e entre 40 a 42% de glícidos;
  • A castanha fresca é rica em vitamina C, B6, potássio e fósforo;
  • É anti-séptica, estomacal e a sua energia é utilizada para corrigir atrasos no crescimento em idades infantis.


Estados e problemas de saúde que podem melhorar com a utilização da castanha:

  • Anemia, astenia (cansaço) físico e intelectual;
  • Hemorragia;
  • Presença de sangue nas fezes;
  • Varizes e hemorróidas; 
  • Dores de cabeça (castanha cozida em água);
  • Bronquite;
  • Náuseas e vómitos;
  • Diarreia.














Sejam felizes e sigam as dicas da chef. :)


Sem comentários:

Publicar um comentário